20 de janeiro de 2011

Contos Zen...


Um discípulo foi ao seu mestre e disse fervorosamente:
"Eu estou ansioso para entender seus ensinamentos e atingir a Iluminação! Quanto tempo vai demorar para eu obter este prêmio e dominar este conhecimento?"
A resposta do mestre foi casual:
"Uns dez anos..."

Impacientemente, o estudante completou:
"Mas eu quero entender todos os segredos mais rápido do que isto! Vou trabalhar duro! Vou praticar todo o dia, estudar e decorar todos os sutras, farei isso dez ou mais horas por dia!! Neste caso, em quanto tempo chegarei ao objetivo?"
O mestre pensou um pouco e disse suavemente:
"Vinte anos."

* * * * *
O velho mestre pediu a um jovem triste que colocasse uma mão cheia de sal dentro de um copo com água e em seguida bebesse.
"Qual é o gosto?" - perguntou o Mestre.
"Ruim " - disse o rapaz.

O Mestre sorriu e pediu ao jovem que pegasse noutra mão cheia de sal e o acompanhasse. Os dois caminharam em silêncio até um lago, onde o velho pediu ao jovem que colocasse o sal na água do lago, dizendo-lhe logo depois:
"Bebe um pouco dessa água".

Enquanto a água escorria pelo queixo do jovem, o mestre perguntou:
"Qual é o gosto?"
"Bom!" - disse o rapaz
"Dá para sentir o gosto do sal?" - perguntou o mestre.
"Não" - disse o jovem.

Então o mestre sentou-se ao lado do jovem, pegou-lhe na mão e disse:

"A dor na vida de uma pessoa não muda. Mas o sabor da dor depende do lugar onde a colocamos. Então quando sentires tristeza ou dor a única coisa que deves fazer é deixar de ser copo e tornares-te lago...

3 comentários:

  1. adurei gostava de ser uma seguidora

    ResponderExcluir
  2. Amo esses contos, me traz uma paz tão grande e me faz repensar na nossa vida que é maravilhosa, e o quanto a gente precisa de tão pouco para ser feliz!!

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails