Mandalas

                                                            


Mandala
É uma palavra sânscrita, que significa Círculo. 
Mandala também possui outros significados, como círculo 
mágico ou concentração de energia. 

Universalmente a mandala 
é o símbolo da totalidade, da integração e da harmonia.
Em várias épocas e culturas, a mandala foi usada como 
expressão científica, artística e religiosa. 

Podemos ver 
mandalas na arte rupestre, no símbolo chinês do Yin e Yang, 
nos yantras indianos, nas mandalas e thankas tibetanas, nas 
rosáceas da Catedral de Chartres, nas danças circulares, nos 
rituais de cura e arte indígenas, na alquimia, na magia, nos 
escritos herméticos e na arte sacra dos séculos XVI, XVII e 
XVIII.


A forma mandálica pode ser encontrada em todo início, na 
Terra e no Cosmo: a célula, o embrião, as sementes, o caule 
das árvores, as flores, os cristais, as conchas, as 
estrelas, os planetas, o Sol, a Lua, as nebulosas, as 
galáxias. 

Se observarmos o cotidiano a nossa volta, 
perceberemos estruturas mandálicas onde nunca pensaríamos 
haver, como no gostoso pãozinho ou no macarrão que comemos: 
começam com a massa que depois de amassada vira uma bola – 
mandala tridimensional – para crescer. 

O prato onde comemos 
tem a forma circular, e quando nos servimos formamos uma 
mandala colorida, que irá nos alimentar e nos nutrir, dando 
energia e vitalidade ao nosso corpo. 

A própria Terra foi 
formada por uma explosão de forma mandálica.


Onde Utilizar as Mandalas
A mandala pode ser utilizada na decoração de ambientes, na 
arquitetura, ou como instrumento para o desenvolvimento 
pessoal e espiritual. 

A meditação mandala pode restabelecer a saúde 
interior e exterior. 
Podemos usar uma mandala para a harmonização
emocional, que refletirá positivamente em nosso estado 
físico, e assim ficaremos com mais saúde e vigor. 

Também podemos utilizar uma mandala para harmonização de ambientes, como 
o familiar e o de trabalho, ou para preparar um espaço 
especial, onde você irá meditar ou fazer sessões de cura.


A mandala trabalha os seguintes aspectos pessoais: físico, 
emocional e energético. 

*No aspecto físico, promove-se o 
bem-estar, o relaxamento e a prevenção do estresse. 

*Emocionalmente, pode trabalhar conteúdos oriundos de emoções 
antigas, atuais ou futuras, pois sinaliza aqueles que irão emergir. 

*Neste trabalho (mandalas pessoais), é muito comum 
surgirem traumas passados, que são colocados no desenho de 
forma sutil, só percebidos por quem souber fazer a leitura 
do que está sendo sinalizado. Esta leitura se faz por meio 
do traço, da forma, das cores, dos símbolos e de vários 
outros aspectos que aparecem quando se desenha uma mandala 
pessoal. 


Qualquer pessoa pode se conhecer e se trabalhar com 
mandalas, tanto com a ajuda de um terapeuta, quanto sozinho. 

A pessoa pode fazê-lo confeccionando e colorindo mandalas, 
ou meditando com elas.
 A mandala irá colocar, de forma sutil, no lugar certo aquilo que se encontra fora de 
lugar. 

Carl Jung dizia que “A mandala possui uma eficácia dupla: 
conservar a ordem psíquica se ela já existe; restabelecê-la, 
se desapareceu. Nesse último caso, exerce uma função 
estimulante e criadora.” 

No aspecto energético, a mandala ativa, energiza e irradia, 
podendo harmonizar ambientes físico ou pessoal carregados 
negativamente, ou aura de sofrimento e tristeza. 
Ainda energeticamente, a mandala pode levar a pessoa a uma abertura 
da consciência e ao encontro de um caminho 
espiritual. 
Neste sentido, a mandala foi, e ainda é, muito 
utilizada para a meditação profunda.
No budismo tibetano os monges 
fazem-na de areia para depois serem ofertadas às divindades. 


É importante saber que para qualquer finalidade que se 
queira alcançar trabalhando com mandalas tem de se 
desenvolver a perseverança, a persistência e a força de 
vontade. 
Trabalhar com mandalas é uma forma carinhosa de 
abrir o coração para a criatividade, a intuição e o amor.


Meditar com mandalas, trás benefícios de várias formas:
*Prevenindo o estresse;
*Preservando e organizando a saúde psíquica;
*Aumentando a capacidade de atenção e de concentração;
*Aumentando a capacidade de receptividade;
*Aumentando a harmonia, a calma e a paz interior;
*Aumentando a criatividade;
*Ampliando a consciência;
*Desenvolvendo o Eu Superior;
*Encontrando um caminho espiritual.


Meditando com Mandalas

Imprima a mandala que mais lhe agradar, e medite com ela da seguinte maneira:
       *Relaxe seu corpo, deixe seu espírito calmo e sereno, 
observe sua respiração;
*Faça algumas respirações profundas e lentas, sem pressa, 
nesse momento sinta somente o respirar;
*Contemple a mandala por algum tempo, pode ser por um 
minuto, dois ou dez;
*Jogue em cada espiral da mandala  sentimentos negativos de 
ódio, mágoas, tensão, culpas, abandono, tristeza, angústia, 
solidão, ansiedade, preocupação ou outros que tenha. 
Veja esses sentimentos sendo transformados, em luz no centro da 
mandala. Essa luz é você, é seu Eu Superior, o sábio dentro 
de você;

* Caso nao tenha sentimentos negativos nesse momento, nâo 
faz mal, coloque todo sentimento de amor e bem-estar nas 
espirais da mandala com a intenção de ampliar esses 
sentimentos para além de você, até abarcar toda a 
humanidade, toda a Terra;

*Finalmente entre em silêncio profundo,  apenas observando 
a mandala, sem fazer esforço algum. 
Quando sentir que está 
bem agradeça o momento e a Existência pela oportunidade de 
contatar com sua luz, transformar sentimentos ou 
compartilhar amor com outros seres viventes.

 *Repita essa meditação quantas vezes sentir vontade a 
qualquer hora e em qualquer condições que estar. 
Ela serve tanto para momentos de angustia quanto para momentos de 
amor.


A Mandala do Filtro dos Sonhos
Conta uma antiga lenda dos nativos norte-americanos, que um 
velho índio ao fazer uma Busca da Visão no topo de uma 
montanha, lhe apareceu Iktomi, a Aranha, e comunicou-se em 
linguagem sagrada. 
A Aranha pegou um aro de cipó e começou a 
tecer uma teia com cabelo de cavalo e as oferendas recebidas



Enquanto tecia, o espírito da Aranha falou sobre os ciclos 
da vida, do nascimento á morte e das boas e más forças que 
atuam sobre nós em cada uma dessas fases. Ela dizia :

"Se você trabalhar com forças boas, será guiado na direção 
certa e entrará em harmonia com a natureza. Do contrário, 
irá para direção que causará dor e infortúnios".

No final a Aranha devolveu ao velho índio o aro de cipó com 
uma teia no centro dizendo-lhe:
"No centro está a teia que representa o ciclo da vida. Use-a 
para ajudar seu povo a alcançar seus objetivos, fazendo bom 
uso de suas idéias, sonhos e visões. Eles vem de um lugar 
chamado Espírito do Mundo que se ocupa do ar da noite com 
sonhos bons e ruins. A teia quando pendurada se move 
livremente e consegue pegar sonhos, quando eles ainda estão 
no ar. Os bons sonhos sabem o caminho e deslizam suavemente 
pelas penas até alcançar quem está dormindo. Já os ruins 
ficam presos no círculo até o nascer do sol, e desaparecem 
com a primeira luz do novo dia"




Esse círculo é conhecido como "Dreamcatcher" (apanhador de 
sonhos). Aqui no Brasil é chamado de Filtro dos Sonhos ou 
Coletor de Sonhos.
Trata-se de um instrumento de poder para assegurar bons 
sonhos para aqueles que dormem debaixo dele, e também para 
trazer visões.
Geralmente são colocados onde a luz bate pela manhã, em 
frente a janela. 
Os nativos nos ensinam que os sonhos passam 
pelo furo no centro e os maus sonhos ficam presos na teia e 
se dissipam à luz do amanhecer.

Aprenda a fazer um Filtro dos Sonhos ( em inglês)


(clique na imagem para ampliar)
Você poderá colocá-lo no seu quarto, escritório, no 
berço ou carrinho do bebê. 
Pode ser usado também como assessório no seu look,
bijuterias ou até jóias.
Os nativos ensinam que os bebês 
ao verem a pena balançar com o vento, se entretêm e aprendem 
a importância do ar. 
Ele é feito na forma de um círculo, 
tradicionalmente com galhos de Salgueiro. É feita uma rede 
na forma de uma teia de aranha com uma abertura ao centro. 
Tem muitas lendas de origem, de acordo com cada tribo e 
também diferentes formas de tecer.

É uma mandala, segundo Jung, a mandala se encontra na 
própria alma humana, aparecendo nos sonhos e em diversas 
imagens criadas pelo nosso inconsciente. 



 



O Circulo Representa, o Círculo da Vida. 
As rodas, ou círculos, 
representam a totalidade. 
O círculo é o símbolo do Sol, do Céu e da Eternidade. 
No simbolismo ancestral o círculo é o 
símbolo do espaço infinito, sem começo e sem fim.
Qualquer que seja a representação simbólica 
em qualquer era e em qualquer cultura, um Círculo de Poder, 
serve como um espelho, onde podemos ver o reflexo do Universo 
e o Grande Tudo, que contém a totalidade, trabalhando para o 
entendimento dos mistérios da vida, 
do cosmos, e das leis naturais. 
*
A Teia e a Pena
Os fios da teia, que são ligados ao círculo, 
podem ser tecidos em 7 pontos (7 profecias) 8 pontos (8 pernas da 
aranha = oito direções sagradas ), 13 pontos (13 Luas), 
variando de acordo com cada tradição e intenção.
Pode ser colocada uma pena no centro, simbolizando a 
respiração, o elemento ar, e em alguns são colocados uma 
pedra/cristal. Tudo o que é colocado possui um significado.
 *
Centro da Teia
Corresponde ao Grande Mistério, o Criador, a Força que 
abrange o Universo inteiro.
*
Coloque seu filtro de forma ritualística
Isso é o que diferencia um adorno de um instrumento de poder. 
Purifique antes o ambiente, o próprio filtro, e coloque sua intenção. 
Faça sua própria cerimônia. 
Peça proteção para o lar, família, pensamentos.



As Mandalas Naturais
A natureza é repleta de mandalas perfeitas,
vejam as flores, 
flocos de neve, as pupilas dos olhos etc..


Mandalas para você colorir
Clique na imagem para ampliar.
Escolha a Mandala que mais gostar , 
Imprima e e preencha com as cores e adereços que desejar.
Elas podem ser confeccionadas em papel, MDF, resina, tecido, 
plástico, vidro, etc..
Solte sua criatividade!!


 

   

   
Pintando Mandalas




Galeria de Mandalas


































































































































Imagens Google, Flickr, e FB

As mandalas evocam o nosso Self absoluto,
uma Unicidade perfeita em si mesmo,
Total,
e ao mesmo tempo 
múltiplo facetado, múltiplas cores,
e formas totalmente integrados
em Si mesmo...

pluginsamples.blogspot.com Pictures, Images and Photos

                          Fonte Mundo das Mandalas
                            Fonte Filtro dos Sonhos
                                       Imagens Google



LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...