2 de julho de 2011

Pensamentos e Aceitação...


"Muitos pensamentos podem aparecer.
Mas para quem? Para consciência pura.
Pensamentos acontecem para esta consciência pura que EU SOU. Se a atenção não se perde e não se mistura com as histórias e os pensamentos, então o relaxamento permanece, apesar dos pensamentos estarem ali.

Você é o espaço que acolhe todos os pensamentos.
Este espaço chama-se consciência.
Os pensamentos são acolhidos como uma criança de colo. Todos eles podem ser amados do mesmo jeito.
Não importa se uma é mais travessa e outra é mais calma. As duas serão amadas.
Do mesmo modo, todos os pensamentos são amados e não tem nenhum poder diante da consciência.

O poder de um pensamento é dado por você! Se você não quiser, ele não tem nenhum poder. Se você quer apenas relaxar, os pensamentos podem vir.
Eles serão acolhidos pelo amor na consciência.
Você tem esta escolha: focar no medo ou focar na liberação.
Focar no limite ou focar no infinito.
Focar no eu/ego ou focar na consciência impessoal.
Medo ou amor?

Há uma má compreensão do que seja aceitação.
Aceitação não é passividade. Aceitação é compreensão de que você é muito pequeno para competir com a vida.
Quando você percebe a natureza do universo, pela compreensão e não pela crença, há uma clareza de que você é parte do organismo universal.
Os hindus dizem: “Quando você está sozinho, você é fraco.
Quando você está com a totalidade, Deus, você é a totalidade”.

Deus é a totalidade, a soma de todo o funcionamento cósmico universal.

Quando você tem uma clareza intuitiva de que é maior que seu corpo, maior que seu ser individual, você percebe que sua alma é a alma do mundo, e que tudo é você mesmo!"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails