4 de fevereiro de 2011

Ser é suficiente...


"Deus não é para ser encontrado em alguma direção particular, ele está em Todos os lugares.
Procurá-lo numa direção particular é uma maneira certa de perdê-lo.

Deus não está ali, ele está aqui ! Ele o cerca, ele é tudo que o circunda.
Você o respira, o come, o bebe, e não reconheceu que tudo é Deus. Você está pedindo por uma direção?
Ele não pode estar em direção alguma; todas as direções estão em Deus. Ele é a totalidade, portanto como pode estar numa direção? - norte, leste, oeste, sul, em cima, em baixo? Ele não pode estar em direção alguma. Simplesmente troque a palavra "Deus", por "totalidade", e então será capaz de compreender o que pretendo dizer. (...)

Deus não pode ser apontado, pois tudo que você aponta será apenas uma parte, e Deus é o todo. Você não pode olhar para ele, pois tudo que você olha será uma parte, lembre-se disso.

Posso entender seus problema. Quando você começa a procurar Deus, está procurando uma direção, um objetivo. Antes você estava procurando dinheiro, agora Deus. Dinheiro era um objetivo. ou o poder; agora Deus é o objetivo. Você não mudou; o dinheiro estava no futuro, Deus está no futuro; o dinheiro estava numa certa direção, Deus está numa certa direção. Você não mudou muito, nada mudou. Você apenas mudou o objeto de seu desejo.

Direção significa desejo; desejo cria a direção.(...) O tornar-se é o problema, não o que você deseja tornar-se. Você deseja se tornar! Você não está satisfeito com ser, com o que você é. Você tem um objetivo, quer melhorar, progredir, fazer isso e aquilo - somente então estará satisfeito.

O objetivo é o jogo do ego. Quando você entende isso...E é isso que gostaria que você entendesse aqui. Estar comigo, se somente isso puder acontecer a você, a revolução aconteceu.
Abandone o tornar-se! Ser é suficiente.
Não é para você se tornar outro além de você mesmo, você é perfeito, em todas suas limitações, você é ilimitado!
Deus está perfeitamente satisfeito com você; somente você não está satisfeito como você mesmo.. esse é o problema. Se Deus não estivesse satisfeito com você, ele o teria eliminado; Este é o sinal perfeito, que ele continua a respirar em você; Ele está perfeitamente feliz com você e não deseja que você mude, que se torne outro alguém. Ele precisa de você como você é. Você é aceito e bem-vindo!

Mas você não está feliz com você mesmo e tem ideias maiores do que o próprio Deus; você é mais perfeccionista do que ele. E Deus não pode ser perfeccionista, senão teria ficado neurótico. Os perfeccionistas ficam sempre neuróticos. Um perfeccionista não pode permanecer saudável, inteiro, ter bem-estar psicológico; ele está sempre tenso. O objetivo está lá, ao longe, distante, e ele se torna mais e mais infeliz; E a medida que os dias passam e a morte se aproxima e o objetivo parece mesmo mais distante, parecendo impossível atingi-lo, mais e mais deprimido ele se torna.(...)
Não se importe com o futuro...viva esse momento, e tão totalmente quanto possível, desfrutando-o - sem qualquer culpa ou sensação de que algo está faltando.
Nada está faltando. Abandone os objetivos, então não há necessidade de qualquer direção.(...)
Quando não há objetivos, não há direção, e quando não há direção também não há caminho. Quando os objetivos desaparecem, as direções desaparecem, e quando as direções desaparecem, os caminhos desaparecem.
Então você está completamente aqui e agora, e nada mais existe. Isso é iluminação, e ela não é um objetivo. Isso é estar em Deus.(...)
Essas direções são os motivos de você não ter sido capaz de desaparecer em Deus. Sua busca é a causa de você não ter sido capaz de encontrar. Pare de procurar e encontre! Na verdade, no momento que você pára de procurar, Deus o encontra."
Osho em A Sabedoria das Areias

Quando os objetivos são abandonados, as direções, e nos damos conta de que toda a existência, o Todo, Deus é que faz, realiza, e vive em nós, o que instantaneamente acontece, é o relaxamento, o verdadeiro relaxamento no Ser.
Somos vencidos, pelo não esforço, somos literalmente vencidos pelo não-esforço, pelo não-fazer, mas pelo Ser. Mesmo que antes tenhamos lutado muito, e desejado, esforçado muito para conseguir alcançar algo, ou algum objetivo...quando nos damos conta de que todo esforço é uma viagem do ego, simplesmente entregamos...
Nessa entrega todo milagre acontece...

Pela primeira vez nos damos conta verdadeiramente, vivencialmente, de que sempre foi assim, sempre foi Deus realizando, fazendo, criando através de nós. E que, mais do que alcançar alguma coisa, estávamos na verdade "perdendo", o momento presente, o instante, a pura presença divina, nos mínimos detalhes do aqui-agora, que é onde toda a beleza da existência se manifesta. E só de estar presente, mesmo sem desejar nada, sem almejar nada, sem nenhuma expectativa, só o fato de estarmos aqui-agora, vivendo simplesmente, já é tudo que precisamos nessa existência, nada mais...
Ser é absolutamente suficiente...neste Ser tudo se realiza...naturalmente...
Amor
Lilian

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails