30 de janeiro de 2010

O novo ...


Você tem de ser purificado, tem de ser realmente, completamente dissolvido; então, surge um espaço vazio. E nesse vazio, o raio da criação, o raio de Deus, entra e então você está realizado. Então não há mais nenhuma miséria (...) então não há mais nenhuma angústia. Então você permanece na bem-aventurança eterna, e o êxtase está presente. Não que ele aconteça através de alguma coisa: então, ele é a sua natureza, seu próprio ser.
Se o êxtase acontece através de alguma coisa, ele não é eterno, porque essa alguma coisa pode ser perdida; se ele é causado por alguma coisa externa, então, não pode permanecer para sempre, pode ser apenas momentâneo. Êxtase e bem-aventurança podem ficar permanentemente com você, eternamente com você, intemporalmente com você, somente quando você os percebe como ser ser- então ninguém pode tomá-los.

Mas esse ser precisa de uma cristalização, precisa de uma purificação, precisa de uma transformação alquimica. O velho tem de ir para o novo chegar, o passado tem de morrer para o futuro nascer. E essa é a decisão que um discípulo tem de tomar."
Osho em A semente de Mostarda.

Esse texto nos remete a profunda, verdadeira e voluntária purificação que se faz necessária ao discípulo em torna-se consciente da total luminosidade do Ser.
Alcançar o êxtase e a bem-aventurança permanentes significa alcançar o estado natural pleno Uno e impessoal, o "ninguém" que se deixa projetar toda a realidade...
Nada a controlar, nada a reprimir, nada a alcançar...somente um "ninguém" no agora...
Isso é o novo...
Amor
Lilian

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails