20 de janeiro de 2010

Neruda...


Nesses dias de plenitude de amor,
A beleza invade minha alma, que canta de tanta alegria em Ser... simplesmente...absolutamente....
A poesia fala direto nos nossos corações,

Por isso um pouco da beleza da poesia delicada e simples do mestre Pablo Neruda, para transbordar ainda mais amor dos nossos corações...

"Quero apenas cinco coisas..
Primeiro é o amor sem fim,
A segunda é ver o outono,
A terceira é o grave inverno,
Em quarto lugar o verão.
A quinta coisa são teus olhos...
Não quero dormir sem teus olhos,
Não quero ser... sem que me olhes,
Abro mão da primavera para que continues me olhando..."

"Amo-te sem saber como,
nem quando, nem onde,
amo-te simplesmente sem problemas nem orgulho:
amo-te assim porque não sei amar de outra maneira..."
Amor
Lilian


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails