18 de maio de 2012

Tantra, a não-dualidade mais profunda.


"Yoga é negação. Tantra é afirmação.
A Yoga pensa em termos de dualidade, e essa é a razão da palavra "ioga". Ela significa unir duas coisas, mas existem duas coisas, a dualidade existe.
O Tantra diz que não existe nenhuma dualidade. Se existir dualidade, você não pode uni-las e não importa como você as una, elas permanecerão duas e a luta continuará, o dualismo permanecerá.

Se o mundo e o divino são dois, então eles não podem ser unidos. Se eles não forem realmente dois, se apenas aparentarem ser dois, só então eles podem ser um. Se o seu corpo e sua alma forem dois, então eles não poderão se unir; se você e Deus forem dois, não haverá possibilidade de uni-los; eles continuarão sendo dois.

O Tantra diz que não há dualidade, que ela é apenas uma aparência. Portanto, porque ajudar a aparência a se fortalecer? Dissolva-a neste exato momento! Seja um! Através da aceitação você se torna um, e não através da luta. Aceite o mundo, aceite o corpo, aceite tudo que for inerente a ele. Não crie um centro diferente em você mesmo, pois para o Tantra esse centro diferente nada mais é do que o ego. Não crie um ego e simplesmente fique consciente do que você é. Se você lutar então o ego estará presente.(...)
Se você lutar, fatalmente criará um ego; e quanto mais lutar mais fortalecido o ego ficará. E se você ganhar a sua luta, então atingirá o ego supremo.
O Tantra diz para não lutar! Então não há possibilidade para o ego...Se entendermos o Tantra teremos consciência.(...)

Você está com raiva... O Tantra não dirá para não ficar com raiva, mas dirá para ficar inteiramente com raiva, mas esteja consciente. O Tantra não é contrário à raiva, mas é apenas contrário ao estado de sono espiritual e à inconsciência espiritual. Esteja consciente e esteja raivoso, e este é o segredo do método: se você estiver consciente, a raiva é transformada em compaixão. (...)

O Tantra diz que essas mesmas energias devem ser transformadas: em outras palavras se você for contra o mundo, não haverá nirvana, porque este mesmo mundo é que deve ser transformado em nirvana. Então você estaria contra as energias básicas que são a fonte.
Dessa maneira a alquimia tântrica diz para não lutar, para ser amigável com todas as energias que lhe foram dadas. Acolha-as, sinta-se grato porque essas energias ( raiva, sexo, desejos, ganância) sinta-se grato porque essas são as fontes ocultas, e elas podem ser transformadas, podem ser abertas. E quando o sexo é transformado ele se torna amor, o veneno desaparece. Quando a raiva é transformada ela se torna compaixão. Quando a ganância é transformada ela se torna generosidade.

A semente é feia, mas quando ela se torna viva, ela brota e floresce e então há beleza.
Não jogue fora a semente, porque também estará jogando as flores nela contidas. Elas ainda não estão visíveis, ainda não estão manifestas, mas estão ali. Use essa semente para que você possa atingir as flores. Assim, primeiro deixe que haja aceitação, uma compressão e percepção sensíveis, então a permissividade é permitida.

Uma das descobertas mais profundas do Tantra: tudo o que você tomar como seu inimigo, seja a ganância, a raiva, o ódio, o sexo, ou seja o que for, a sua própria atitude de que eles são inimigos os torna seus inimigos. Tome-os como dádivas divinas e aborde-os com um coração grato. Para o Tatra tudo é sagrado. Lembre-se disso: para o Tantra TUDO é sagrado, nada é profano. Olhe para isso dessa maneira; para uma pessoa irreligiosa, tudo é profano; para uma pessoa pretensamente religiosa, uma coisa é profana outra é sagrada.

O Tantra diz que tudo é sagrado, e é por isso que não podemos entendê-lo, ele é o ponto de vista não-dual mais profundo, ou melhor ele nem é um ponto de vista, ele é uma unidade vivida, uma unicidade vivida."
Osho em Tantra o Caminho da Aceitação

2 comentários:

  1. Bom Dia,
    Texto fantastico, nos faz "mergulhar" no não-Dual, na unicidade: ser autêntico e aceitar o que sentimos e o que somos.
    Obrigado por compartir.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amado Osho iluminando sempre... :) Beijoss <3

      Excluir

Related Posts with Thumbnails