11 de outubro de 2011

A Criança em nós - Amidha Prem


Vou te contar um segredo...
Não importa a idade que tenha,
Você nasceu criança!!!

Se nascemos criança, porque seria?

Seria para que desde sempre conhecessemos nossa face original?
Seria para que desde cedo conhecêssemos o que é uma fala doce sem pretenções,
E os olhos puros, que nada desejam nem sonham?
Seria para que víssemos o mundo inteiro como nossa extensão?
Porque seria?

Nascemos crianças
E vamos ao longo da vida perdendo de vista a criança em nós
Vamos envelhecendo a criança
E esvaziando a alma
Cobrindo com cinzas opacas
Aquela luz toda que teimava em irradiar sem parar.

Nascemos crianças
Nascemos para o instante
Ávidos de vida, de vivências,
Ávidos
E vamos ficado tão mornos, tão densos
Que a avidez se transforma em cansaço
Se transforma em fastio
E o instante presente
Chega praticamente morto
Pois já não estamos lá para recebê-lo
E ele simplesmente vem e se vai, sem ser tocado.

Mas a criança em nós permanece lá
Ou melhor aqui,
Ela permanece pois não tem para onde ir
Não podemos fugir daquilo que realmente somos
Originalmente somos,
Se deixamos todas as questões de lado
Se simplesmente abandonamos todas essas lógicas e razões sem sentido
O que encontraremos será a pureza original intocada
Será aquela brisa da primavera imprevisível e bela
Será aquele tesouro precioso que buscávamos ávidamente fora
Sem encontrar...

A criança em nós chama
Ela nada obriga,
Mas chama.
Ouçamos seu chamado,
Alimentemos sua alma
Deixemos que sorria novamente
E vejamos o que acontece...

Um beijo carinhoso à todas as crianças...
Crianças de todas as idades!!
Lilian ( Amidha Prem)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails