14 de agosto de 2012

Campo Unificado de Consciência...


"Quando se encontrar com as pessoas, no trabalho ou em qualquer outro lugar, dê a elas o máximo de atenção. Você já não estará ali como um indivíduo, e sim como um campo de consciência, de presença alerta.

O motivo original da sua interação com o outro - comprar ou vender alguma coisa, pedir ou dar informações, por exemplo - é agora secundário.

O campo de consciência que se forma entre vocês se estabelece como o propósito primário da interação. Esse espaço de consciência adquire uma relevância muito maior do que qualquer assunto sobre o qual vocês possam estar falando e do que os objetos físicos ou imaginados.

O Ser humano passa a ser mais importante do que as coisas deste mundo.

Isso não significa que você vá se descuidar do que precisa ser feito no nível prático. Na verdade, a execução das coisas não só fica mais fácil como se desenrola com mais energia quando a dimensão do Ser é reconhecida e, assim, se torna primária.

O surgimento desse campo unificado de consciência entre as pessoas é o fator essencial dos relacionamentos na nova Terra."
Eckhart Tolle em O despertar de uma nova consciência

Neste belo texto, percebemos a sutileza dessa consciência que permanece situada na totalidade, no campo de energia, como Tolle denomina.
Por mais que nós vivamos as ditas "partículas", ou particularidades do nosso dia a dia, e demos atenção aos pequenos detalhes daquilo que estamos envolvidos, focados, é importante que não percamos de vista a dimensão da totalidade ali presente momento a momento, e façamos um link entre a partícula e a onda da existência, que na verdade são a mesma realidade, só que se apresentando em dimensões complementares.

Trata-se de uma percepção ampliada, e que pode ser vivida tranquilamente, basta que tenhamos a consciência de que somos seres multidimensionais, e que a realidade da mesma forma é muldimensional, e todas elas são importantes e igualmente manifestas.
Quanto mais perceptivos, mais aprendemos, mais evoluímos e podemos desfrutar do vastíssimo cenário cósmico onipresente.
Por exemplo; se estamos com os olhos vendados, perdemos a percepção da visão, perdemos toda a percepção da luz, cores, nuances...ainda temos a percepção dos sons, do tato, paladar, mas a luz perdemos. Não é que ela deixou de existir, mas nós nos fechamos a esta dimensão.
Assim é a realidade. Estamos dia após dia, descobrindo, explorando novas e novas dimensões, e com isso, ampliando também nossa percepção.

Essa exploração significa um aumento na nossa capacidade de sentir, de amar, de interagir, de compartilhar, de reconhecer, aprender e vamos mais e mais alargando as nossas próprias dimensões internas...descobrindo mais e mais sobre nós mesmos, e ao mesmo tempo, reconhecemos no "outro" a mesma e única dimensão...

O campo de energia é sempre presente.
É a vida, a existência a totalidade.

Nós, enquanto auto-consciência deste mesmo campo, somos a possibilidade da maior de todas as descobertas, a possibilidade do reconhecimento desta grandeza original, a experiência da Nova Terra, o Ser Totalidade...Ser Unicidade...
Amor
Lilian

2 comentários:

  1. Lilian, realmente como é importante estar atento a tudo, isso passa tão despercebido, adorei o seu texto, aprende muito

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Cris, a consciência nos abre dimensões cada vez mais luminosas...
      Fico feliz por sua luz! Beijão prá você também!

      Excluir

Related Posts with Thumbnails