13 de agosto de 2011

Amor de pai...



Nunca consegui separar o amor do pai do amor de mãe.
Sempre vi nos dois, o mesmo e genuíno amor.
Embora possam vir com perfumes diferentes, mas na essência...nenhuma distinção.

A vida nos presenteia com as mais diferentes formas de amor e de amar.
Podemos ter lá as nossas predileções, mas no fundo, no fundo mesmo, o melhor é acolher todas elas.
Se a vida escolheu nos presentear com tudo isso, assim na maior diversidade, porque iríamos escolher isso ao invés daquilo...muito melhor dizer com o coração um enorme Sim! e acolher todas as formas de amor em Si...

As mães são como rosas, pétalas, aconchego, carinho e sopro...
Pais são como raios de sol no rosto, banho de mar, dança, brincadeiras e risos, muitos risos...

Mãe é casa, lar, escuta, simplicidade silenciosa...
Pai é mundo, viagens, andanças, canções...

Somos na verdade fruto dos dois...
Raízes e Asas verdadeiras...
Mãe e Pai, Pai e Mãe...
Mãe que é Pai, Pai que é Mãe...

Nós enquanto eternos filhos, podemos vislumbrar na vida essa verdade,
Ceú e Terra, em perfeito equilíbrio,
Amor e Amor...gerando frutos sem fim...

Quando se alcança o Amor...pai e mãe desaparecem,
Vemos então que eram apenas perfumes em que o Amor se disfarçava,
Só para que a brincadeira da vida ficasse ainda mais divertida... :)
Muita luz e muita paz a todos os Pais maravilhosos e a seus filhos amados...
Amor
Lilian

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails