29 de maio de 2010

Iluminação...


"Quando não existe objeto para o seu testemunhar, ele simplesmente volta-se para você - para a fonte, e esse é o ponto em que a pessoa se torna iluminada.
A iluminação é simplesmente o reconhecimento de seu ser, o reconhecimento da eternidade de seu ser, o reconhecimento de que não houve morte antes, nem haverá morte novamente - de que a morte é uma ficção.

Vendo o seu ser em sua nudez total, em sua beleza absoluta, sua grandiosidade, seu silêncio, sua bem-aventurança, seu êxtase- tudo isso está compreendido na palavra iluminação.
Uma vez que tenha experienciado esse néctar, a mente começa a perder a garra sobre você, porque você encontrou algo que é qualitativamente tão elevado, preenche tanto, um contentamento tão extraordinário, que a mente sente que a sua função terminou.

A mente parece feia, porque só lhe deu miséria, preocupação, ansiedade.
Qual tem sido a sua contribuição para você? Sua garra começa a afrouxar; ela começa a se esconder nas sombras e pouco a pouco, desaparece..."
Osho em Pepitas de Ouro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails