24 de novembro de 2013

Filosofia, Religião e Maravilhamento - Osho


"A filosofia tenta explicar as coisas e nunca é bem sucedida. ... 

A religiosidade (religare) não faz qualquer esforço para explicar a vida. 
Ela tenta vivê-la. 

A religião não considera a vida como um problema para ser resolvido, mas um mistério a ser vivido. 

A religião não é curiosa a respeito da vida. 
A religião está num deslumbramento, num tremendo maravilhamento a respeito da vida.

O nosso simples estar aqui é um tal milagre. 
Não se pode explicar porque eu estou aqui, porque você está aqui. Porque essas árvores estão aqui, porque essas estrelas estão aqui. Porque todo esse universo existe e segue povoando a si mesmo com árvores, pássaros e pessoas. 

Porque originalmente ele está aí, não há maneira alguma de se saber. Ele simplesmente está aí. 
Mas ele inspira um deslumbramento! Ele preenche o coração com um maravilhamento. 

Ele é inacreditavelmente verdadeiro, ele é incrível! Ele é absurdo, mas tremendamente belo.

Não há maneira alguma de se dizer porque ele está aí, mas ele está aí. E a religião diz: Não desperdice seu tempo com os porquês. 
Ele está aí: Curta-o! Celebre-o! Perca-se nele! 

E deixe que ele se perca em você. Encontre-o! deixe que o encontro seja como dois amantes entrando um no outro. 
Deixe que isso seja uma experiência orgástica.

Mas a religião no ocidente tem uma conotação muito errada. (...)
Ela faz lembrar pessoas com olhares sérios, rostos sisudos. Ela perdeu a capacidade de dançar, de cantar, de celebrar. 

E quando uma religião perdeu a capacidade de dançar, de celebrar, de cantar, de amar, de simplesmente ser, então ela já não é mais religião, ela é um cadáver, ela é teologia.(...)

No ocidente a teologia dominou a religião. Quando a teologia domina a religião, então a religião nada mais é senão filosofia. E uma filosofia que também não é muito filosófica, porque a filosofia somente pode existir através das dúvidas, e a teologia se baseia na fé. Assim, ela é uma filosofia impotente, nem mesmo é uma filosofia no seu verdadeiro sentido.

A verdadeira religião não é baseada em crenças ou fé.

A verdadeira religião é baseada no deslumbramento, a religião é baseada no maravilhamento. 

A verdadeira religião é baseada no mistério que o circunda. Para sentir isso, para estar consciente disso, para ver isso, abra os seus olhos e abandone a poeira acumulado por séculos. Limpe o seu espelho. 

Veja quanta beleza circunda você. 
Veja a tremenda beleza que segue batendo em suas portas. 
Por que você está sentado com os olhos fechados? Por que você está sentado com esse rosto sisudo? 
Por que você não pode dançar? E por que você não pode rir?
Osho em A Suddhen Clash of Thunder

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails