10 de novembro de 2011

O seu chá está esfriando!


"Um estudante Zen diz ao seu Mestre:
Então, Mestre, a alma é ou não imortal? Sobrevivemos à morte de nosso corpo ou nos aniquilamos?
Nós realmente reencarnamos?
Nossa alma se divide em partes componentes que se reciclam, ou entramos no corpo de um organismo biológico como uma única unidade? E retemos ou não nossa memória?
Ou a doutrina da reencarnação é falsa?
Talvez a noção da sobrevivência cristã seja mais correta? Se for assim, temos ressurreição do corpo ou nossa alma entra num reino puramente platônico e espiritual?"
O Mestre responde: O seu chá está esfriando !".

Esta é a maneira do Zen: trazê-lo para o aqui e agora.
O chá é muito mais importante do que qualquer paraíso, do que qualquer conceito de Deus, do que qualquer teoria da reencarnação, da alma, do renascimento e de toda essa tolice. Porque o chá está aqui e agora.

Para o Zen, o imediato é o final, e o iminente é o transcendental.
Este momento é a eternidade... você precisa estar desperto para este momento.

Assim, o Zen não é um ensinamento, mas uma estratégia para perturbar sua mente sonhadora e de alguma forma criar um tal estado que você fique alarmado, que você tenha que se levantar e ver, uma estratégia para criar tal tensão à sua volta a ponto de você não poder permanecer dormindo confortavelmente.

E esta é a beleza do Zen e a revolução que ele traz ao mundo.
Todas as outras religiões são consolos; elas o ajudam a dormir melhor.
O Zen tenta acordá-lo; ele de modo nenhum tem consolos.
E ele não fala sobre grandes coisas. Não que estas grandes coisas não existam, mas falar delas não vai ajudar."
Osho em Ma Tzu o Espelho Vazio

2 comentários:

Related Posts with Thumbnails