22 de fevereiro de 2014

Brincando do que não é - Alan Watts


"Se você está despertando dessas ilusões, e compreender que preto implica no branco, que o eu implica os outros, que a vida implica morte, ou devo dizer, que a morte implica vida...

Você pode sentir a si mesmo não como um estranho neste mundo, não como algo aqui sob provocações, não como algo que surgiu por uma causalidade...

Mas, você pode começar a sentir sua própria existência como absolutamente fundamental!

Eu não estou tentando vender-lhe esta ideia, no sentido de convertê-lo. Eu quero que você brinque com isso. Eu quero que você pense nas possibilidades. Eu não estou tentando provar nada. Eu estou apenas colocando como uma possibilidade de vida para se pensar a respeito.

Então, vamos supor que você fosse capaz toda noite de sonhar qualquer coisa que deseje sonhar. E que você possa por exemplo ter o poder de sonhar dentro de uma noite setenta e cinco anos, ou qualquer espaço de tempo que você queira. Enquanto começa esta aventura de sonhos, você iria naturalmente realizando seus desejos. Você teria todos os tipos de prazer! E após várias noites, de setenta e cinco anos de total prazer, você diria: "Bom, isto foi demais!"
Mas agora, vamos ter uma surpresa. Vamos ter um sonho desvairado. Onde algo está para acontecer comigo, mas não sei o que será. E você iria fundo, e ao retornar diria: " Uau! Esta foi por um triz, hein?!"
Depois, você teria mais e mais aventuras, e faria mais e mais apostas sobre o que você sonharia. Finalmente você sonharia onde você está agora. Você sonharia o sonho de viver a vida que atualmente está vivendo. Que estaria dentro de infinitas multiplicidades de escolhas que você teria, de brincar que você não era Deus.

Porque toda a natureza de Deus em você, de acordo com esta ideia, é brincar que não é.
Então, nesta ideia, todos estão fundamentalmente, em definitiva realidade, não Deus em um sentido politicamente real, mas Deus no sentido de ser o Eu. A profunda base, tudo que há.
E você é tudo isso! Só que você finge não ser."
Alan Watts em The Dream of Life

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails