13 de novembro de 2015

O ego nas calamidades - Eckhart Tolle


"No que diz respeito à maioria da população que ainda está inconsciente, só uma situação limite, crítica, terá o potencial para rachar a dura casca do ego e forçá-lo a render-se e assim entrar num estado desperto.

Uma situação limite, ocorre quando através de alguma calamidade, convulsão social drástica, perda profunda, ou sofrimento, todo o seu mundo se estilhaça e deixa de fazer qualquer sentido. É um encontro com a morte, seja ela física ou psicológica. 


A mente egoica, criadora do mundo entra em colapso. E das cinzas do mundo velho, surge então um novo mundo.

Não há garantia, evidentemente, de que mesmo uma solução limite, o consiga, mas o potencial está lá sempre. 


A resistência de algumas pessoas ao que é até se intensifica em tais situações, que assim, se transformam numa descida aos infernos.

Noutras, poderá haver apenas rendição parcial, mas mesmo isso lhes proporcionará uma certa profundidade e serenidade que não tinham antes.

Parcelas do ego irão se quebrar, e isso, permitirá que brilhem pequenas quantidades de esplendor e de paz que reside para além da mente."

E. Tolle em O Poder do agora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails