11 de janeiro de 2015

É preciso Graça - Mooji


"Nem um único Ser, aqui ou em outro lugar,
está aqui por acaso.
Em cada forma, está lá o Supremo.
E é a Luz deste mundo.

Nesta vida podes deslocar-te, afastar-te.
Abre a porta de ti próprio para que a Luz da Verdade passe.
Abre a porta de ti próprio para Deus passar através dela.
Mas quando te escolhes a ti, não O vais ver.
Quando O escolhes a Ele, tu e Ele são UM.(...)

Há um poder dentro de nós que parece
funcionar para manter a nossa atenção
apenas sobre a nossa existência física.

Sobre coisas materiais e preocupações mundanas.
Para que o nosso tempo esteja preocupado com coisas perecíveis. 

E só pode funcionar através da distração.
É desta forma que chegamos a "esquecer" de nós próprios.
Fornecendo energia àquilo que é apenas passageiro.
E desperdiçando o eterno.

Utiliza o tempo para descobrires a tua intemporalidade.
Utiliza o esforço para descobrir o sem esforço.(...)
Tens que deixar cair a inverdade conforme a reconheces.
E não é difícil.

Tudo o que digo, para mim é uma alegria.
Não é trabalho pesado, é uma alegria!
É uma alegria ter uma percepção que te 

abra o coração novamente, por assim dizer.

É uma alegria ter uma percepção que 

ilumine a tua mente do mero conhecimento, 
e que a conduza à sabedoria. (...)

É uma alegria estar livre do que não é 

verdade e vê-lo por ti próprio. 
Sem simplesmente acreditar.
Compreendendo na verdade, confirmando no teu próprio ser.
Porque tens este poder. (...)

O que é preciso também? Graça!
É preciso Graça!
E Graça é apenas um outro nome para Aquilo que somos.
Já está aí."
Mooji em Satsang



Colaboração de Lucia Antunes 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails