30 de setembro de 2014

O Vazio Vivo - J.Krishnamurti


"Você não é nada, é o vazio consciente vivo do ser. 

Você é a energia consciente universal livre do conteúdo psicológico identificador do pensamento. 

Cultural e psicologicamente você pode ter o seu nome e título, a sua propriedade e conta bancária, você pode ter poder, riquezas e ser famoso, mas apesar de todas essas salvaguardas, você é como o nada.

Você pode ser totalmente inconsciente desse vazio, desse nada ser, ou você pode simplesmente não querer estar ciente disso, mas ele está lá, está sempre presente, faça o que você fizer para evitá-lo. Você pode tentar fugir disso em caminhos tortuosos, através de violência pessoal ou coletiva, por meio da adoração individual ou coletiva, através de conhecimento ou de diversões, mas esteja você dormindo ou acordado, ele está sempre lá.

Você pode observar sobre o seu relacionamento com este nada, esse vazio, sua ausência de conteúdo psicológico e seu medo só se ficar consciente sem escolha alguma das fugas. 

Você não está relacionado a ele como uma entidade individual em separado; você não é o observador vê-lo, sem você, o pensador, o observador, não existe. Você e nada são uma só coisa você e nada são um fenômeno comum, e não dois processos separados.

Se você, como o pensador, têm medo dele e o encara como algo contrário e oposto a você, então qualquer ação que você possa fazer sobre ele, o levará inevitavelmente a ilusão e, assim, novos conflitos e miséria. 

Quando há a descoberta, a vivência desse nada que você é, então o medo - que só existe quando o pensador está separado de seus pensamentos e assim tenta estabelecer uma relação com eles - cessa completamente."
J.Krisnamurti em Satsang 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails