22 de dezembro de 2011

Em Sintonia com Deus...


"Só na profundidade do puro silêncio podemos ouvir a voz de Deus.

Deus é compaixão. Ele está esperando na porta de cada coração. Ele é um convidado inesperado em todo lugar, porque, se você chamá-lo ou não, ele estará lá. Se você é crente ou descrente, ele está dentro de você, sendo convidado ou não. Por trás de cada forma, por trás de tudo, Deus está escondido. Ele embeleza as coisas e as cria. Ele é a fórmula oculta da vida. Mas ele não vai se revelar a você. Você não vai senti-lo se você não chamá-lo. A oração é o convite. Você deve invocá-lo através da oração e da meditação. Clamar, cantar e repetir o mantra são convites, são pedidos para Deus se revelar.

Deus não está confinado a um determinado corpo ou lugar. Não há sequer um átomo de espaço onde ele não esteja.
Entregue simplesmente a sua mente a Deus, refugiando-se nele, e não lhe faltará nada na vida. O que você precisa lhe será dado. Seus problemas serão resolvidos, e de alguma forma, você vai encontrar a paz. Aqueles que rezam para Deus e meditam sobre ele sinceramente, não sentirão falta de nada que seja essencial. Essa é a vontade de Deus.(...)

A oração verdadeira nunca deve conter sugestões, instruções ou ordens. O devoto sincero simplesmente diz:
"Senhor, eu não sei o que é bom ou o que é ruim para mim. Eu não sou ninguém, não sou nada. O Senhor sabe tudo. Eu sei que tudo o que o Senhor faz é para o meu bem. Portanto, faça o que quiser."

Na oração verdadeira, você se prostra, renuncia e declara sua impotência perante o Senhor. Para se lembrar de Deus, você tem que se esquecer de você. Estar realmente focado em Deus é estar plena e absolutamente no momento presente, esquecendo-se do passado e do futuro. Isso por si só é a oração real."

A Arte de Meditação é a arte de ir além do mental. A maneira que nós percebemos o mundo ao redor de nós depende completamente da nossa mente. Em nossa procura da felicidade, temos essencialmente duas opções – modificar o mundo inteiro de modo que tudo saia exatamente da maneira que nós queremos; ou modificar a nossa mente de modo que estejamos felizes, contentes e pacíficos, independente do que acontece no mundo externo. A primeira opção é obviamente impossível. Temos controle muito pequeno sobre o mundo externo.
A única esperança de felicidade se encontra em controlar o mundo interior. A meditação é um elemento chave neste processo.

Quando o pêndulo da mente deixa de balançar de um lado para o outro, alcançando um ponto de quietude, você passa a viver na quietude do momento presente.

A verdadeira oração é feita ao prestarmos atenção no que Deus nos diz e não ao dizer a Ele o que queremos."
Palavras de Amma Bhagavan

4 comentários:

  1. OLA...QUE BLOG MARAVILHOSO...SEMPRE VOU TE VISITAR, POIS O CONTEÚDO TOTAL ME AGRADA D++++!!!TODO MUITO LINDOOO!!!BJINHOS
    VENHA ME VISITAR TAMBEM!...http://nannymayerblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nanny!! Que delicia ter você por aqui!! Este espaco é seu querida!,
      Seja bem vinda!!
      Vou te visitar sim ok? Bjão prá ti! :)

      Excluir
  2. Eu só posso agradecer por esse texto. Sentir Deus ... Minha oração Não dizendo o que quero e sim enxergando o que preciso que Deus não me deixa faltar! Obrigado meu Deus.

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails