22 de dezembro de 2009

O Surfista é a Onda...


Hoje eu acordei com a sensação de que o impulso para a vida é muito maior do que imaginamos...
Estou lendo o livro "A semente de mostarda" do Osho, e confesso tem me iluminado muito certas colocações dele. Além de ser uma pessoa lúcida, ele tem a magnitude dos mestres acordados...vêem o óbvio, e o traduzem aqueles que ainda dormem..
Além de ser baseado no Evangelho de Tomé (apócrifo) o livro é repleto de estórias, passagens interessantes e muitas vezes engraçadíssimas, como só o Osho sabe contar.
Ele nos fala da ovelha perdida, daquela que se desviou do rebanho e o pastor deixa as 99 e vai em busca daquela que se "rebelou" segundo ele.
Isso me fez refletir sobre como somos "normóticos" como dizia Pierre Weil, e quanto a sociedade nos condiciona, colocando uma verdadeira armadura em nossa expressão genuína, para que ela ( a sociedade) possa funcionar e existir.
Isso é polêmico ao extremo, e nem quero entrar nessas veredas, mas me chamou a atenção foi o quanto é viva em nós a essência divina, ampla e livre, que nos faz mesmo sendo condicionados, amarrados, diminuidos ( isso claro em graus variáveis de pessoa a pessoa ) mas mesmo assim, ainda ao menor sinal de luz, de radiância que evoca aqui fora, parece que faz um eco com o nosso profundo na hora, e causa alguma mudança....
Podem ser pequenas marolas, mas podem ser também verdadeiras tsunamis...e daí que nada mais será o mesmo, saimos da acomodação e ficamos "deslocados" !! Essa é a idéia!! Sairmos do mundo "normótico", dos mortos-vivos...
Ser "lugar comum" nesse mundo não significa estar vivo...viver se supõe degustar, sentir-se vivo, amar e ser Um com a vida...uma boa imagem é a do surfista e a onda.
Ele espera e pensa, analisa a onda, o tempo da remada etc..mas só enquanto ele ainda não pegou a onda...sua mente pensa, e pensa, e espera...mas quando vem a onda e ele a onda são um só corpo, ele não pensa em mais nada, a mente está vazia, mas o coração cheio de alegria, radiância e vida... ele é o mar, o movimento e isso é o objetivo do surf... a busca acaba na hora, ele encontrou...
Da mesma forma, se ficamos sempre na mente, analisando a vida, refletindo, ponderando prós e contras, isso e aquilo, não estamos vivendo, estamos á margem, estamos em stand by!!
Quando ousamos sair da acomodação, ou algo nos causa um atrito, um desconforto interno, é a deixa que o Cósmos nos dá de que é hora de mudar, e partir para a experimentação, para o sentir-se vivo, o sair da mente, e cair na vibração do viver...
Isso mostra que por mais que nós não queiramos, o impulso para a vida é mais forte que qualquer acomodação...
Não aos normóticos, não a estagnação...
Deixem-se levar pela onda da vida...
Amor
Namastê
Lilian

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails