13 de maio de 2017

Sobre as mentiras - Prem Baba


"Uma das principais consequências da mentira é a doença física. Quanto mais tempo você permanece na mentira, mais doenças você começa a ter. Isso porque, em algum momento, você foi impedido de ser quem era e se desconectou da sua essência, passando a atuar através de uma máscara, de um fingir ser, para conseguir ser aceito e amado. Acontece que agindo a partir da máscara, muito do que você sente como espontaneidade ou liberdade é mentira – é tudo um teatro -, e os sintomas dessa atuação costumam se manifestar na forma de doenças como ansiedade, depressão, angústia, compulsões e vícios para esconder a dor de não se lembrar de quem é. Dessa forma, o corpo começa a adoecer e todo o metabolismo passa a se desequilibrar.

A mentira é uma prisão que esconde o medo: você tem medo de sentir algumas coisas e de falar a verdade e não dar conta das reações que isso provoca. Mas fazendo dessa forma, você está perdendo uma grande chance, que é a chance de evoluir nesta encarnação. Lembre-se que a vida neste planeta é como uma bolha de sabão e que quando menos se espera, o jogo termina. Por outro lado, eu sei que para poder lidar com o seu medo e as reações provocadas pela honestidade, se faz necessário ter uma estrutura, e até alcançá-la você seguirá acreditando que não dá conta da verdade, que não pode ser honesto consigo mesmo e consequentemente, com os outros. Mas será que isso é mesmo verdadeiro?

Quando falo de Verdade, falo de uma Verdade que sempre existiu. Ela está aqui agora e sempre existirá. Ela esteve presente no início, está presente neste instante e estará presente no fim, embora ela mesma não tenha começo e nem final. A Verdade simplesmente é, da mesma forma que o amor simplesmente é. Assim como você não pode aprender a amar – pode apenas remover o ódio para o amor se revelar – o mesmo se dá com relação à Verdade – o que você pode fazer é remover a mentira para Ela aparecer.

Certa vez Jesus disse: “A Verdade vos libertará”. Eu tenho constatado que liberta mesmo, tanto que tenho dito que o valor da honestidade é o mais urgente e necessário em nossa jornada evolutiva. A honestidade é uma forma do amor, é uma expressão do amor mais urgente neste momento. Considero que este valor seja a base, a fundação do templo da consciência. Por isso, se você não pode dar passagem para ele, seu processo evolutivo estará interrompido.

Se estiver atento, vai perceber que preso na mentira estará apenas andando em círculos, sem se desenvolver nem como pessoa e nem como consciência. Sem honestidade você só pode crescer (se é que se pode chamar de crescimento) no mundo material. Aliás, você poderá crescer até um determinado ponto e não mais do que isso. Alguns chegam a construir impérios com base na mentira, mas existe uma lei que determina que todas as construções que não têm lastros na Verdade precisarão cair, porque são como capas temporárias que em algum momento terão de ser rasgadas. Isso porque a Verdade é a Essência; é aquilo que podemos chamar também de Deus. Se a gente segue para uma visão onde tudo é Deus, vemos inclusive a mentira como Deus, mas esse já é um aspecto distorcido que vou deixar para comentar em um outro momento.

Tem pessoas que desenvolvem riqueza para fugir da pobreza, por exemplo. Essa é uma forma de mentira, já que no mais profundo essas pessoas ainda não podem encarar dentro delas a pobreza que lhes habita. Então, saem correndo atrás da riqueza e se não houver nenhuma crença que as impeçam de crescer nessa área, elas progridem. Mas em algum momento essa riqueza terá que cair para que possam encarar o medo que sentem da pobreza e poderem então, ser ricas de verdade, tendo em vista que a real riqueza nasce da plenitude e da verdade e não da máscara e da mentira.

Acontece que para encarar essa verdade é preciso ter disposição, o que significa abrir mão das mentiras e lidar com suas consequências. Um bom caminho é investigar o medo que você sente em dizer a verdade. Permita-se conhecer as histórias que esse medo te conta. As fantasias do que podem acontecer caso você resolva ser honesto. Talvez você passe alguns apuros mesmo, porque existem mentiras e mentiras e algumas são realmente, como se diz no Brasil, cabeludas.

Porém, se conseguir ser honesto a ponto de admitir suas mentiras para você mesmo, estará dando um passo em direção à transformação. Para isso, sugiro um exercício bem simples: faça um diário das suas mentiras. Toda noite, antes de dormir, descreva-as num caderno. É só você com você. Não precisa mostrar para ninguém, então pode ser bem sincero. Descreva todas as mentiras, desde as mentirinhas bobas, que você conta para poder tirar vantagem ou para ficar ‘bem na foto’, até aquelas mentiras que te levam a inventar mais mentiras para poder sustentá-las. Sempre releia as mentiras do dia anterior e veja se está havendo alguma mudança, algum progresso. Dessa forma, a cada dia você conseguirá caminhar, nem que seja um pouquinho, em direção à verdade.

Muitas vezes, você fica preso na mentira porque acredita na ilusão de que, dessa forma, estará protegido. Com base nessa mentira, você constrói uma zona de conforto e acredita estar livre de qualquer conflito. Mas, ao mesmo tempo em que existe um conforto, existe também um incômodo, e esse incômodo é quem vai, muitas vezes, prejudicar a sua saúde manifestando-se na forma de uma série de doenças como já mencionei anteriormente. Em outras palavras, para viver na mentira você abre mão de muitas coisas, entre elas a sua liberdade e integridade. Entenda que as mesmas paredes que te protegem são as paredes que te aprisionam, e esse é o preço que você paga por essa falsa segurança de ser quem não é.

Eu sinto que além de você e cada um de nós, o mundo está precisando do remédio da honestidade. 
O mundo está precisando de Deus. E Deus é Verdade, Deus é Amor. O mundo está precisando de Verdade e de Amor. 
Que possamos nos comprometer com o valor honestidade."
Sri Prem Baba em Satsang

2 comentários:

  1. Só tenho a agradecer aos administradores desse blog por tantas publicações iluminadas. Que Deus abençoe vocês!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gratidão Everton!! Seja muito bem vindo! Namastê!!

      Excluir

Related Posts with Thumbnails