14 de dezembro de 2012

Aprofundando na Consciência - Nisargadatta

"Uma mente quieta é tudo o que você precisa. 

Todo o mais ocorrerá normalmente, uma vez que sua mente se (cale) aquiete.
O sol, ao surgir torna o mundo ativo, assim também, consciência de si produz mudanças na mente. 

Sob a luz de uma consciência de si calma e estável, as  energias internas acordam e perfazem milagres sem qualquer esforço de sua parte. 
A janela é a ausência da parede, e ela dá ar e luz porque ela é vazia. Seja vazio de todo conteúdo mental, de toda imaginação e esforço, e essa própria ausência de obstáculos aviará que a realidade se derrame para dentro de ti.

Aprofunde e amplie sua consciência de si mesmo e todas as bênçãos 
fluirão. Você não precisa buscar nada, tudo virá a ti de forma mais natural e sem esforço. 

Mantenha o “Eu sou” no foco da consciência, lembre-se que você é,

Assista a si mesmo incessantemente e o inconsciente fluirá para dentro do 
consciente sem qualquer esforço especial de sua parte.

Não há qualquer esforço em testemunhar. Você só compreende que é a 
testemunha, e a compreensão age. Você não precisa nada mais, lembre-se apenas que você é a testemunha. 
  
Tendo realizado que eu estou no mundo, e ainda assim alem do mundo, eu 
me tornei livre de todo desejo e medo. Eu não mais aspiro que eu deveria ser livre, eu me descubro inesperadamente livre sem o menor esforço. 
(Eu posso descrever o estado natural, supremo) somente pela negação, tal 
como incausado, independente, não relacional, incomposto, inquestionável, 
inalcançável pelo esforço. 

Mas há uma pré-condição: sinceridade de propósito. 

Todo esperar é fútil. Depender do tempo para solucionar nossos problemas é 
auto-ilusão. O futuro, deixado por si mesmo meramente repete o passado. Mudança só pode acontecer agora, nunca no futuro.  

Ação postergada é ação abandonada.Pode ser que haja outras chances para outras ações, mas o momento presente está perdido, irremediavelmente perdido. Toda preparação é para o futuro – você não pode preparar-se para o presente.

Uma vez que você realize que o corpo depende da mente, e a mente depende da consciência, e a consciência de estar alerta e não  o contrário, sua pergunta sobre esperar pela auto-realização até sua morte está respondida. Não é que você tenha que primeiro se libertar da idéia “Eu sou o corpo” e depois realizar o Ser. É absolutamente o contrário – você se agarra ao falso porque não conhece a verdade. Propósito, e não perfeição, é a pré-condição para a auto-realização. 

Virtudes e poderes vêm com a realização, não antes. 
Para a auto-realização, você precisará uma vida bem ordenada e quieta, paz 
mental e imenso propósito. Propósito não é um desejo pelos frutos das atividades de alguém. Ele é a expressão de um desvio interno do interesse para longe do falso, do não essencial, o pessoal. 

A pessoa é removida por determinação. 
Compreenda que ela deve ir e deseje que ela se vá – ela deverá ir se você 
for absolutamente claro com relação a isso. 

É o propósito que é indispensável, o fator crucial. A disciplina é um vaso e 
deve ser preenchido até a borda com o propósito, o qual é amor em ação pois nada pode ser feito sem amor.  

Você deve encontrar seu próprio caminho. 

A menos que você mesmo o encontre, ele não será seu caminho e não o 
levará a lugar algum. Determinadamente viva sua verdade como você a encontrou, aja com base no pouco que você compreendeu. É a determinação que o levará, e não a esperteza seja sua ou de outros. 

Para ser real você o deve ser real nas menores ações diárias; não deve haver nenhum artifício na busca da verdade. Tente. Um passo de cada vez é fácil. 
energia flui da honestidade, flui do propósito.

Sua primeira tarefa é ver o sofrimento em você e ao seu redor; a próxima é 
ansiar intensamente pela liberação. Sua intensidade o guiará; você não 
precisa de outro guia. 

É o absoluto em você que o leva para o absoluto além de você – absoluta verdade, amor, desprendimento são fatores decisivos na auto-realização. 
Com propósito eles podem ser alcançados."
Nisargadatta Maharaj em Excertos do Livro Eu Sou Aquilo 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails